terça-feira, 13 de novembro de 2018

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida

Agora no começo/meio de novembro, acabamos de comemorar mais um aniversário da queda do muro de Berlim. Andando pela cidade, é bem fácil perceber que a cidade ainda tem muitas marcas da época que foi dividida em 2 e vou falar delas no post de hoje para você prestar atenção em tudo que vê pela rua quando estiver visitando a capital alemã!

Berlim vista do espaço à noite: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Berlim vista do espaço à noite: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida - perceberam a cor diferente das luzes? Mais sobre isso abaixo. Foto: NASA/ESA - domínio público

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Mapa do muro de Berlim e da cidade dividida - muita gente não sabe, mas na verdade o muro circulava toda a parte oeste de Berlim, deixando-a isolada na parte leste da cidade e do resto da Alemanha também.

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Cartaz da comemoração dos 25 anos da queda do muro - fizeram uma barreira de luzes com balões no antigo trajeto do muro. Conto tudo sobre essa comemoração que tive o prazer de presenciar e mais detalhes sobre o muro de Berlim neste post aqui!


Veja aqui todos os posts sobre Berlim no blog! Spoiler: são cerca de 80 posts!



Traçado do muro de Berlim nas ruas


Quando estiver perto do antigo traçado do muro, não se esqueça de olhar para o chão porque ele está todo marcado como na foto abaixo da direita! A data "1961-1989" foi o período em que ele esteve de pé.

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Um pedacinho dele aí do lado esquerdo


Trechos do muro de Berlim ainda de pé


Existem dezenas de lugares para ver o muro de Berlim em pleno século XXI: East Side Gallery, Topografia do Terror, Memorial da Bernauer Straße, Mauerpark e vários outros espalhados pela cidade. Falei sobre quase todos esses lugares neste post aqui. Clique nos links acima para ver mais detalhes de algumas das principais atrações da cidade.

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
East Side Gallery - o mais longo trecho do muro ainda de pé e com os famosos grafites

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
East Side Gallery - o mais longo trecho do muro ainda de pé e com os famosos grafites


Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
A faixa da morte no Memorial da Bernauer Straße



Está gostando do post? Aproveite para curtir a nossa fanpage no Facebook





Sistema de transporte


Neste post contei com mais detalhes sobre como o sistema de transporte foi afetado e ficou dividido na época do muro - tem uma exposição grátis e não muito grande, mas quase desconhecida sobre o assunto na Nordbahnhof. E até hoje o sistema ainda não está 100% conectado. O tram acabou de chegar no lado oeste da cidade (quando estive em Berlim em 2014, se você estivesse em alguma rua onde passava o tram, você estava na antiga Berlim socialista com certeza absoluta - só bem recentemente que isso mudou). A linha U5 do metrô, que ligará a Alexanderplatz ao Portão de Brandemburgo, passando pela Avenida Unter den Linden e que provavelmente vai ser a principal conexão leste-oeste da cidade está sendo estendida neste exato momento - 29 anos depois da queda do muro. Em 2014, a principal avenida da cidade não tinha uma boa conexão com o metrô se você precisasse ir para o leste ou para o oeste da cidade. A estação central da capital do país (Berlin Hauptbahnhof) só foi concluída recentemente - para a Copa de 2006, sediada na Alemanha. Antes disso, a cidade possuía várias estações importantes e o transporte para outras cidades e países eram dividido entre todas elas. Ainda hoje existem algumas outras estações espalhadas pela cidade, que são quase uma "estação central".

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Mapa do metrô de Berlim na parte oriental/socialista, mostrando algumas estações que viraram estações fantasmas no período da Guerra Fria.

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Alguns mapas de metrô da época da divisão

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
As entradas das estações desativadas foram fechadas para não haver fugas de cidadãos do leste para o oeste

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
As entradas das estações desativadas foram fechadas para não haver fugas de cidadãos do leste para o oeste

Checkpoint Charlie


O famoso ponto de controle na fronteira entre os 2 países (Alemanha Oriental e Alemanha Ocidental) foi recriado para os turistas. Leia mais sobre ele aqui - e lembre-se que esse soldado da foto não se chamava Charlie!

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida



Procurando dicas de onde se hospedar em Berlim? Fiz uma seleção aqui com os hotéis mais estilosos da cidade, outra com bons hotéis econômicos e mais uma com hotéis com vistas panorâmicas!

Ampelmann


Outra curiosidade bem legal de Berlim - na antiga Alemanha Oriental, foi criado esse "homenzinho do sinal" para os pedestres e eles existem até hoje (mas as fotos abaixo são de museu rs). Outra maneira fácil de identificar em que lado da cidade você está! E o Ampelmann é tão fofo que virou souvenir e acho que deve ser a lembrancinha mais fofa da cidade!

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Ampelmann e o Trabant (carinhosamente apelidado de Trabi) - o único carro existente na Berlim oriental



Receba a nossa newsletter quinzenal! Não se preocupe porque não fazemos spam!
* indicates required











Indicadores econômicos e sociais


Muitos indicadores econômicos e sociais do lado leste de Berlim e da Alemanha até hoje ainda estão defasados em relação ao lado leste. De acordo com esta reportagem de 2013, "de acordo com o governo, a renda anual per capta dos alemães da antiga RDA é quase 5 mil euros (R$ 11.550) menor. As taxas de desemprego também são maiores e os indicadores sociais, piores no antigo lado comunista. E mesmo a representação política no Leste, que possui um quinto da população, é menos expressiva. A sensação é de que a reunificação ainda não se completou.".



esta reportagem de 2014 diz que "houve, sem dúvida, avanços: a expectativa de vida, a qualidade da infraestrutura e até da pesquisa científica são, hoje, semelhantes nos dois lados do país. O problema é que o nível de atividade econômica no leste continua longe daquele observado no oeste. Segundo levantamento do governo, o Produto Interno Bruto (PIB) gerado pela área que pertencia à Alemanha Oriental corresponde a apenas 67% da produção do lado ocidental. No ano passado, o PIB per capita registrado no leste foi de 23.600, enquanto no oeste o valor foi de 35.400. Além disso, o desemprego é um terço mais alto na antiga Alemanha Oriental."

Iluminação vista do espaço


Agora o que me chamou a atenção para fazer este post foi uma reportagem antiga que passou minha timeline, mostrando Berlim vista por um satélite! As lâmpadas de rua do lado leste e do lado oeste eram e continuam diferentes até hoje - na primeira foto deste post (e no vídeo abaixo), dá para notar bem as luzes mais amarelas de um lado e mais brancas do outro! A foto do espaço é de 2013 e a prefeitura de Berlim já anunciou que está substituindo as lâmpadas por outras que gastem menos energia então essa diferença pode nem estar mais tão marcante. Leia mais sobre o assunto nestas reportagens em inglês: The GuardianTelegraph e City Metric.










Seguros Promo


Como era a vida na Berlim e na Alemanha dividida - DDR Museum e Alltag in der DDR


Eu ADOREI visitar esses 2 museus contando como era a vida da população comum na época da divisão do país. Já detalhei sobre o DDR Museum e a exposição Alltag in der DDR neste post e recomendo demais! Tem muita informação sobre as escolas, as empresas, as férias, as casas, as roupas, os momentos de lazer, as comidas, as lojas, etc.

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
O mapa mais explicativo sobre a divisão que encontrei em algum museu

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
A reprodução de uma sala de uma casa/apartamento da DDR

Berlim: o muro caiu, mas décadas depois a cidade continua dividida
Na Alemanha oriental, acampar era um programa muito popular nas férias e pensando nisso um alemão inventou essa barraca no topo do Trabi para facilitar! Genial aprender essas curiosidades!

Outras atrações relacionadas ao muro de Berlim


Pensou que isso era tudo sobre o muro de Berlim? Tem muitas outras atrações que nem citei no post: Mauermuseum, The Wall Museumexposição Tränenpalast, Asisi Panorama e Black Box Kalter Krieg, por exemplo! É praticamente impossível fugir do assunto estando em Berlim - e aliás, não teria porque fugir mesmo!



Você já curte a fanpage no Facebook, já segue o Twitter, o Instagram, o Google+ e o Pinterest?

6 comentários:

  1. Ah esse post q tanto conversamos. Estava doida pra ler!
    Foi muito legal andar por Berlim e ficar "analisando" se estava do lado oriental ou ocidental.
    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a ideia veio daquela conversa com vc! <3 mas demorei pra terminar hehehe Espero que sua viagem tenha sido o máximo!

      Excluir
  2. Eu amo seus posts sobre Berlim, Fê! Sinto muito carinho e paixão pela cidade em sua escrita.
    E sobre o Muro... triste pensar que na cabeça de muitas pessoas esse tipo de divisão ainda existe...😑

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cá! <3 <3 <3 pois eh, nem me fale... Do outro lado do mundo o pessoal comemora a queda do muro e enquanto isso, tem gente querendo a construções de outros muros por aí...

      Excluir

Todos os comentários no "Tá indo para onde?" passam por moderação e por isso não aparecem de imediato. Ele só vai aparecer quando for respondido. Em geral, os comentários são respondidos quinzenalmente.