terça-feira, 31 de março de 2015

Exposição itinerante pela Alemanha (e Europa) sobre Leonardo da Vinci

Além das atrações tradicionais de Berlim, consegui visitar também algumas atrações "extras", como por exemplo a exposição que vou contar hoje.

Acho que não preciso nem entrar em detalhes sobre a genialidade de Leonardo da Vinci. Além de pintor dos famosos quadros "Monalisa" e "A Última Ceia", ele era também inventor, pesquisador, profundo conhecedor da anatomia humana e muitas outras coisas. "Da Vinci - exploring arts & science" é uma exposição itinerante que ainda vai passar por várias cidades da Alemanha e da Europa até 2019, mas não está mais em cartaz em Berlim.

Da Vinci exploring arts & science die Austellung em Berlim
Entrada da exposição que estava em cartaz em Berlim até janeiro passado



domingo, 29 de março de 2015

Museu Histórico Alemão (Deutsches Historisches Museum) em Berlim - Blogagem Coletiva: Museum Week 2015

Que emoção gente, esse é o primeiro post de blogagem coletiva que faço! Blogagem coletiva é quando um grupo de blogueiros decide postar sobre o mesmo assunto ao mesmo tempo e o tema dessa vez é sobre museus, já que estamos no finalzinho da #MuseumWeek. Durante toda a semana, museus do mundo todo fizeram um tuitaço sobre o tema e os blogueiros brasileiros estão participando ativamente. No ano passado, estava viajando e não consegui fazer o post na data certa, mas dessa vez não poderia deixar passar (para quem não sabe, visitar museus é uma das coisas que eu mais gosto de fazer! Já são mais de 50 posts sobre isso aqui no blog!).


Museu Histórico Alemão (Deutsches Historisches Museum), em Berlim

Hoje resolvi falar de um museu que visitei nessa última viagem para a Alemanha, lá em Berlim. Eu já contei em diversos outros posts que adoro visitar museus históricos, aliás gosto muito mais do que os museus artísticos, então já sabia que iria gostar do Deutsches Historisches Museum (Museu Histórico Alemão ou DHM para os íntimos)! Mas não sabia que o tamanho dele iria me surpreender! Fiquei uma tarde inteirinha por lá e vi o final da exposição meio correndo, não pela falta de interesse, mas pelo cansaço mesmo!



Zeughaus - Deutsches Historisches Museum em Berlim - Alemanha
Esse é o prédio lindo do museu - tem mais detalhe sobre ele mais pra frente!


terça-feira, 10 de março de 2015

Guest posts no Segredos de Viagem e no Ziga da Zuca!

Já faz um tempão que mais um texto meu foi publicado em outro blog e esqueci de contar aqui por conta da correria da viagem para a Alemanha!

Em outubro do 2014, enviei para as meninas do blog "Segredos de Viagem" um segredo do leitor: Market on the Warf, na Cidade do Cabo. Mas para quem acompanhar o "Tá indo pra onde?", esse mercado gourmet fantástico já não era segredo desde abril/2014!

blog Segredos de Viagem

domingo, 8 de março de 2015

Roteiro (testado e aprovado) de uma semana em Paris - parte III

Continuação do roteiro dos 2 posts anteriores - vejam aqui a primeira e a segunda parte do roteiro!

Dia 5 - 5a feira. Começamos o dia pelo Hotel des Invalides (onde fica o túmulo do Napoleão), Museu do Exército (que não ficamos tempo suficiente, é enooorme e muito interessante, mas ficamos com medo de não dar conta da programação do dia e saímos), pegamos metrô para Jardin des Plantes e vimos a Arenes de Lutece (da época que Paris era romana!).



Ponte Alexandre III em Paris

Ponte Alexandre III em Paris

Invalides e Museu do Exército - Paris

túmulo de Napoleão Bonaparte em Paris




túmulo de Napoleão Bonaparte em Paris

túmulo de Napoleão Bonaparte em Paris

Passeando em Paris

Almoçamos na Place de la Contrescarpe, em um restaurante italiano muito bom e barato (que lembramos até hoje como a melhor refeição da viagem (não sei se é o mesmo restaurante que vejo hoje no Google Street View), andamos pela Rue Mouffetard e visitamos o Pantheon.


Place de la Contrescape

Pantheon Paris

Pantheon Paris

Passeando em Paris

Seguimos para o Centro George Pompidou (entramos rapidamente porque estava incluso no  nosso passe de museus, mas não curtimos muito arte moderna) e a vista nem é grande coisa (como já contei aqui), pegamos metrô novamente para o Musee D´Orsay (que é demais com os quadros impressionistas (eu que tinha acabado de ter um semestre de História da Arte na faculdade pirei!!), ficamos lá até fechar. Não lembro onde jantamos, mas provavelmente em St. Germain (perto do hotel).


Centre George Pompidou Paris

Museu d'Orsay ‘evite filas’


Museu D´Orsay Paris


Dia 6 - 6a feira, contratamos um tour com uma empresa recomendada pelo hotel (não lembro o nome da empresa) e fomos para Giverny e Versailles. É super factível visitar esses 2 lugares de transporte púbico (veja abaixo), mas não no mesmo dia! Para isso a melhor opção mesmo é com esses tours ou de carro alugado. Em Giverny, antes da casa mais famosa da França, visitamos a igreja da cidade e túmulo do Monet (infelizmente com fotos sofríveis) e finalmente, a casa dele com os maravilhosos jardins. Almoçamos em um restaurante bom bem em frente à casa.

Um dia Monet : museu Orangerie e Giverny


Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny


Jardins do Monet em Giverny

Jardins do Monet em Giverny

Leia mais sobre Giverny. Viram que esqueci de tirar fotos da casa em si, que podemos visitar, mas os jardins são o ponto alto! Seguimos então para Versailles, visitamos primeiro a "Hameau de la Reine", uma vila austríaca construída nos fundos do palácio para Maria Antonieta, depois o Petit e o Gran Trianon e finalmente o Palácio de Versailles!


Hameau de la Reine - Versalhes

Hameau de la Reine - Versalhes

Gran Trianon - Versalhes

Gran Trianon - Versalhes

Gran Trianon - Versalhes

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Leia sobre Versalhes no Contando as Horas e no Projeto 101 Países (inclusive dicas para ir de transporte público!). Ao final ainda queríamos ver o jardim mas o calor era insuportável (era julho, eu estava de havaianas aquele dia! blusinha de alcinha e shorts jeans), mas era muito caro visitar o jardim e sabíamos que não íamos aguentar nem 10 minutos lá. Bom, descobrimos que era grátis para menor de 18 anos - eu já tinha mais de 18, mas cara de novinha então a mulher que controlava a entrada (tinha que pagar a mais para visitar os jardins) já me colocou para dentro sem nem perguntar a minha idade. Tirei umas fotos enquanto meus pais ficaram lá fora mas não aguentei nem 15 minutos e voltei... Ainda bem que foi de graça! 


Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França

Palácio de Versalhes - França



Dia 7 - sábado, a programação era irmos ate o Arc de la Defense de metrô e para o cemitério Pere Lachaise (leia no Direto de Paris e no 360 Meridianos se precisar se convencer que um cemitério é um ponto turístico legal), onde tem um monte de famosos enterrados e os túmulos são bonitos. Mas acabamos não fazendo nada disso, acordamos mais tarde e tínhamos que fazer as malas!!! Perto do hotel sempre fazíamos algumas comprinhas voltando dos passeios e no último dia era muita coisa pra arrumar!!! 

Bom, isso já faz quase 10 anos, mas os atrações turísticas dificilmente mudam rs. Além disso, senti falta da L´Orangerie, pra ver as Ninféias do Monet mas na época estava fechado pra reforma, então ficou para uma próxima. Leia sobre esse museu fantástico no Ideias na Mala.

É claro que acabaram faltando diversas atrações, mas aproveitamos bastante pelos dias que tínhamos disponíveis! Ainda tem muita coisa para fazer quando voltar, ainda mais que algumas delas merecem repeteco! Seguimos viagem para Praga, Viena e Budapeste, que virão em outros posts (assim como dicas de hospedagem em Paris e sobre o passe de museus e atrações)!

Vejam os guias que usei para montar esse roteiro e livros que podem inspirar sua viagem à cidade-luz e alguns lugares que foram cenários do filme "A Lenda do Tesouro Perdido - o Livro dos Segredos" em Paris.


Você já curte nossa fanpage no Facebook, já segue o nosso Twitternosso Instagram e o Google+?