terça-feira, 21 de agosto de 2018

Tour Doces Histórias no centro do Rio de Janeiro com a Sou + Carioca

Uma das coisas que eu mais gosto é História e outra coisa que eu também adoro é comer/experimentar comidas diferentes - o que acontece então quando misturei os 2 em uma tarde só? Adorei! Assim foi a tarde delícia quando fiz o Tour Doces Histórias com a Sou + Carioca, lá no Rio de Janeiro.






O walking tour começa na praça da Cinelândia (na frente do Teatro Odeon) e segue para a Praça XV, com algumas explicações históricas sobre o início da gastronomia doce antes mesmo de existir açúcar, história do açúcar e dos engenhos, os doces portugueses criados nos conventos, a vinda da família real portuguesa para o Brasil, história do chocolate e os doces feito com especiarias. Uma das participantes do tour perguntou sobre o quindim que é seu doce preferido e a Raquel sabia contar a origem do doce maravilhoso (também sou fã). Seguimos então para a primeira confeitaria histórica do Rio de Janeiro, a famosa Confeitaria Colombo.

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca
Ponto de encontro!


Lá experimentei o famoso Mil Folhas e não lembro se já tinha comido esse doce antes. Custou R$ 11,20 e apesar da fama, não foi o preferido da tarde. Dividi com outra pessoa do tour para podermos experimentar os 2 sabores: chocolate e creme de baunilha. Aqui foi instalado o primeiro elevador da cidade e foi o primeiro local a servir bebida gelada (por muito tempo acreditou-se que beber algo gelado com as refeições fazia mal para a saúde). Nas 2 vezes que estive na Colombo, estava sempre lotado de gente, mesmo em horário fora de refeições.

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Confeitaria Colombo
A rua é tão estreita que nem dá para tirar uma foto decente da fachada da Colombo!

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Confeitaria Colombo
Esse teto é incrível!

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Confeitaria Colombo
Esse salgado foi o que comi quando estive na Colombo em 2017

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Confeitaria Colombo
Finalmente o mil folhas na última foto - bem grande então juntamente com outra pessoa do tour compramos um de cada sabor e dividimos para conseguir experimentar os 2 sabores - achei o de creme mais gostoso. Curiosidade: apesar do nome ser "mil folhas", o doce tem na verdade 729 folhas rs.


Seguimos para a Casa Cavé, que conta com 2 endereços muito próximos - um na esquina que todo mundo conhece e outro mais escondidinho quase que do lado do primeiro. Nesse segundo espaço tem um salão bem bonito e pedi um pastel de nata (pastel de Belém), que com uma garrafa de água, custou R$ 13,30. O estabelecimento está em funcionamento desde 1860 e é o mais antigo do tour (outras confeitarias mais antigas já fecharam) e inclusive foi frequentado por D. Pedro, Carlos Drummond de Andrade e Nelson Rodrigues. O garçom que servia os 2 últimos ainda trabalha lá!

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Casa Cavé
Azulejos maravilhoso! Pena que o corredor é estreito e não dá pra tirar uma foto realmente legal

Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Casa Cavé
Algumas pessoas pediram essa super torrada com queijo ralado, que dizem que é tradição da Casa Cavé (não conhecia e fiquei só no doce mesmo). Muito bom matar a saudade de Portugal com esse pastel de nata/Belém!

Passando pelo Beco dos Barbeiros ouvimos muitas histórias interessantes sobre como era a vida e a sociedade no Rio nos séculos passados, a (falta de) higiene e também sobre como começou a febre do sorvete no Brasil.

Procurando dicas de onde se hospedar no Rio de Janeiro? Em 2017, fiquei em Botafogo e adorei! Já nessa viagem de 2018, amei dividir um aparthotel com 3 amigas em Ipanema!

Continuando o tour, seguimos para a Confeitaria Itajaí, que depois de uma reforma parece uma padaria normal, mas tem bastante história no centro do Rio. Escolhemos não entrar porque já tínhamos ficado bastante tempo nos outros 2 lugares, mas a Raquel disse que o forte ali são os doces alemães (apfelstrudel e bolo Floresta Negra). Aqui a Raquel explica por exemplo sobre alguns doces que tem nomes enganosos, entre eles a torta holandesa que não é da Holanda ou então a torta alemã e a palha italiana.

Nessa viagem eu estava com 3 amigas blogueiras, mas poucos meses antes, tinha aproveitado 3 dias sozinha no Rio de Janeiro e dei várias dicas sobre andar sozinha pela cidade aqui.

A última parada foi na Confeitaria Manon, ainda decorada em estilo das décadas de 40/50. Também não paramos para comer aqui, mas a maior parte do grupo comprou o famoso doce madrilenho para comer em casa. Custou R$ 4,30 e sinceramente foi o meu preferido do tour (é tipo um pão doce com goiabada, que segundo o que a Raquel mesmo disse, não parece que tem nada demais, mas é o melhor pão doce que você vai comer na vida!). Aqui ela também contou sobre a história do brigadeiro e ela tinha feito alguns para a gente se deliciar naquele dia!


Tour Doces Histórias no Rio de Janeiro com a Sou + Carioca - Confeitaria Manon


Da próxima vez que estiver no centro do Rio de Janeiro, com certeza voltarei até a Manon para comer outro doce desses (que além de ter sido o melhor, era o mais barato! rs).


Receba a nossa newsletter quinzenal! Não se preocupe porque não fazemos spam!
* indicates required











Uma dupla já tinha abandonado o tour antes, mas ali estava oficialmente encerrada a tarde de muita conversa. Todo mundo acabou seguindo junto para o metrô.

Dica: almoce bem light ou nem almoce para dar conta de comer os doces. Eu tinha comido um pão de queijo só e mesmo assim, não aguentei experimentar um doce de cada lugar - sorte que sempre tem a opção de levar para casa também (nesse caso, a minha casa era o Aparthotel Adagio Ipanema).



Está gostando do post? Aproveite para curtir a nossa fanpage no Facebook





Claro que adorei misturar 2 coisas que gosto muito e de aprender coisas novas (por exemplo sobre o início do sorvete por essas bandas - nunca tinha ouvido dessa história antes. Já a invenção do brigadeiro é um pouco mais famosa). Uma mega vantagem é que andamos em grupo no centro do Rio de Janeiro guiados por uma carioca que sabe onde está indo, então dá uma segurança bem maior do que andar perdido pela área procurando os lugares interessantes. Super recomendo o Tour Doces Histórias e também qualquer outro tour da Sou + Carioca - diversão, conhecimento e com um preço que não pesa no bolso de ninguém (a partir de R$10,00)! Os doces do Tour Doces Histórias são pagos à parte para cada pessoa poder pedir o que quiser.

Sou + Carioca


Sou + Carioca é um projeto que está fazendo muito sucesso lá no Rio levando os cariocas e turistas para conhecer cada pedacinho da cidade, tanto os pontos mais batidos como os lugares mais diferentões que nem os próprios cariocas conhecem direito. A minha amiga Gaby Palma (uma das fundadoras da iniciativa) já tinha me levado para um passeio informal pela região do Porto Maravilha e Pequena África em 2017, mas dessa vez a guia foi a Raquel, entusiasta dos doces e da História relacionada ao centro da cidade. Além de tours mais históricos, a Sou + Carioca tem tours de todos os tipos, por exemplo para visitar igrejas, museus, palácios e muitas trilhas também, sempre guiados por algum dos cerca de 30 guias de turismo credenciados pelo Ministério do Turismo. São aproximadamente 150 tours e é praticamente impossível você não achar nenhum que te interesse! Confira a programação na página do facebook - lá estão todas as informações sobre cada um dos tours.



Eles abriram também uma agência de viagem (Sou + Viagens) que faz viagens curtas para o interior do RJ, SP ou MG por exemplo. Veja as avaliações no Trip Advisor.


Você já curte a fanpage no Facebook, já segue o Twitter, o Instagram, o Google+ e o Pinterest?

13 comentários:

  1. O Tour do Doces é excelente, uma ótima dica. O Centro histórico do Rio é uma passeio bem interessante, ainda mais acompanhado de boa comida. Também adoro a Confeitaria Manon e acho que o mil folhas da Colombo, apesar da fama, não é o melhor doce de lá, há outros mais gostosos. Mas só de visitar a Colombo já vale o passeio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, a Colombo vale muito pelo ambiente, decoração etc. Mas prepare-se para a lotação de gente rs.

      Excluir
  2. Que diferente esse walking tour! Quando for ao Rio novamente super quero fazer. Salivei aqui com as fotos rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito original! Gosto de tours assim pq atende um público mais específico.

      Excluir
  3. Que tour gostoso!!! O centro da cidade é super legal! E adorei as dicas de doces tb!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o centro do Rio (e SP tb) é bem legal, pena que a gente ficar neurótico se preocupando com segurança e frequenta bem menos do que deveria...

      Excluir
  4. Como não ficar com água na boca lendo esse post? Hahaha! Não conhecia esse tour mas eu amo um bom doce e fiquei com muita vontade de fazer. Obrigada pela dica! <3

    ResponderExcluir
  5. Que legal o tour. Nunca fiz nenhum pelo Rio , que pecado né? Já ouvi muito falar sobre a confeitaria Colombo também. Você realmente gosta? O que achou?
    Parabéns excelente post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A Colombo é linda né? Definitivamente um must visit pela arquitetura, mas está seeeempreeee lotada e os doces não foram dos meus preferidos...

      Excluir
  6. Eu fiz esse tur e amei! Super recomendo. História com sabor de doce. A guia Raquel é muito espontânea e alegre, fala bem e ainda tira muitas dúvidas .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a descrição "História com sabor de doce"! Obrigada pela visita!

      Excluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Todos os comentários no "Tá indo para onde?" passam por moderação e por isso não aparecem de imediato. Ele só vai aparecer quando for respondido. Em geral, os comentários são respondidos quinzenalmente.