terça-feira, 22 de outubro de 2013

14 motivos (além da Alhambra) para visitar Granada e dicas práticas da cidade

Se ontem foi dia de falar exclusivamente da maravilhosa Alhambra, hoje o dia é das outras atrações de Granada. E ao contrário do que os turistas pensam, tem muita coisa legal para fazer na cidade, como vocês podem ver abaixo. O clipe do dia é "Zapatillas", mais um sucesso do El Canto del Loco em 2006.




Esta lista não está em ordem de importância, apenas de acordo com o que fui lembrando.


Está procurando por hospedagem para sua viagem??? Reserve pelo Booking através dos links e banners do blog, não pague nenhum centavo a mais por isso e colabore na manutenção deste blog! Obrigada!


01) Parque García Lorca

Federico García Lorca foi um poeta e dramaturgo espanhol, da época da Guerra Civil e morou por muito tempo em Granada. Entre suas obras mais famosas, estão Bodas de SangueYerma e A Casa de Bernarda Alba. Dentro do parque, fica a Casa Museu Federico García Lorca, que era a casa de veraneio da família dele. Tem um shopping ali do lado (Centro Comercial Neptuno), fui várias vezes ao cinema ali.


Parque Garcia Lorca - Granada

Parque Garcia Lorca - Granada


02) Baños Árabes - Aljibe


Fica bem no centro histórico e é necessário reservar. Para não molhar, a máquina fotográfica tem que ficar no locker. É bem relaxante e o baño "normal" custa 23 euros. Existem outros pacotes com mil tipos de massagem, mas aí o preço só vai aumentando. Duração: 1h30. Você fica entrando e saindo das piscinas quentes e frias, mas a recomendação é ficar no máximo 10 minutos na água quente e aí trocar. Toalha inclusa. Vejam mais detalhes no site oficial. Tem descontos no site ou para grupos. Existem outros também, mas este foi o único que conheci.


Granada
na entrada parece uma casa normal, mas lá dentro é bem grande

Receba a nossa newsletter quinzenal! Não se preocupe porque não fazemos spam!


* indicates required











03) Mirador de San Nicolas


Simplesmente a melhor vista da Alhambra! Tenho poucas fotos, vejam mais neste blog (em inglês).


vista da Alhambra

vista da Alhambra

vista da Alhambra

04) Parque de las Ciencias


É um parque com exposições sobre ciência, corpo humano, biosfera, invenções, uma torre para observação, borboletário, planetário e exposições temporárias. Quando eu fui, a exposição temporária era sobre o Titanic! Tinha até a música da Celine Dion no audioguia rs. Mas o mais bonito e interessante é mesmo o borboletário. Fica um pouco mais longe do centro.


Parque de las Ciencias - Granada

Parque de las Ciencias - Granada

Parque de las Ciencias - Granada

Parque de las Ciencias - Granada

vista do Parque de las Ciencias - Granada

vista do Parque de las Ciencias - Granada

vista do Parque de las Ciencias - Granada

05) Tetería


A tradição das casas de chá continua viva na cidade. A variedade de sabores é imensa! No bairro Albaicín tem várias casas, mas a única que eu fui foi "El Bañuelo".


Tetería El Bañuelo

Tetería El Bañuelo

06) Bairros Albaicín e Sacromonte


Albaicín é o bairro árabe em "frente" à Alhambra com aquele monte de casinhas brancas lindas e Sacromonte é o bairro dos ciganos, que moram em cavernas nos morros e também podem ser visto da Alhambra e de vários pontos da cidade.


Albaicín visto da Alhambra
Albaicín visto da Alhambra

Albaicín visto da Alhambra

Sacromonte visto da Carretera del Darro
Sacromonte visto da Carretera del Darro

07) Assistir algum show de flamenco


Segundo os meus professores espanhóis, os melhores flamencos são mais cantados e menos dançados do que a gente imagina. Tem vários lugares no Albacín e no Sacromonte, mas o único que conheci era um lugar minúsculo, chamado "El huerto del loro", mas não achei nenhuma informação na internet.

08) Capilla Real


Capela Real é maravilhosa. Foi aqui que os reis católicos, Fernando de Aragão e Isabel de Castela, foram enterrados, junto com outros reis. Mas estes dois são os mais famosos. Outro local para ter mais um momento "de volta à aula de História do colégio".

Capela Real em Granada

Capela Real em Granada

09) Catedral


Como toda cidade europeia católica e razoavelmente grande, Granada também tem uma catedral linda! Mais informações neste site.


Catedral de Granada

Catedral de Granada

Catedral de Granada

Catedral de Granada

Catedral de Granada

Catedral de Granada

Catedral de Granada

10) Monasterio e Igreja de San Jeronimo


Muito lindo também e fica perto do centro histórico. Leiam mais sobre o monastério.

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

Monasterio e Igreja de San Jeronimo em Granada

11) El Bañuelo


Termas árabes construídas no século XI. O prédio ainda está bem preservado. Vale a pena também tirar umas fotos por ali, a Carretera del Darro segue o rio Darro e tem algumas construções bonitas por ali.

Carretera del Darro em Granada
caminhe pela Carretera del Darro

Carretera del Darro em Granada


12) Monasterio de la Cartuja


Este fica um pouco mais longe e é preciso pegar um ônibus para chegar, mas nada tão difícil. Vejam um vídeo sobre o monastério. Infelizmente não podia tirar fotos lá dentro.


Monasterio de la Cartuja

Monasterio de la Cartuja

Monasterio de la Cartuja

Monasterio de la Cartuja

13) Alcaicería


Perto da Catedral, da Capela Real e da Plaza Bib-Rambla, este labirinto de ruazinhas fica no local do antigo Gran Bazar da cidade. Cheio de lojinhas, é o local ideal para comprar todos os souvenirs que você possa imaginar. Eu adorava andar por ali! Mais sobre a origem da Alcaicería.


Alcaicería em Granada

Alcaicería em Granada

Alcaicería em Granada

perto da Alcaicería em Granada

perto da Alcaicería em Granada

14) Museu Memoria de Andalucía ou Centro Cultural CajaGranada


Não existia quando eu fui, mas um museu dedicado à História da região, com espaços para cultura, exposições temporárias e algo interativo me parece uma boa ideia.

Extra


Este centro, que abrirá em alguns meses perto da Catedral, abrigará 5000 manuscritos do autor, 50 desenhos de Dalí e outros pintores, além de salas para oficinas e exposições temporárias.


16) Museo Arqueologico



Museo Arqueologico de Granada é pequeno mas interessante e infelizmente está fechado para reforma desde 2010. Fica perto da Carretera del Darro, a rua que acompanha o Rio Darro. Vale a pena tirar umas fotos por ali.

Se alguém se interessar por um tour a pé por Granada, compre o ticket com o nosso parceiro Ticketbar abaixo!




Dicas Práticas


Granada Card - Vejam mais informações (preços, horários das atrações, etc) no site oficial, mas vale a pena para quem for visitar muitos dos lugares acima. Eu usei para economizar e também usar transporte para as atrações mais longe.


Bono Turístico Granada Card
olha o meu Granada Card aí todo carimbado!


Restaurantes - Não anotei nomes, mas lugares cheios de restaurantes que com certeza você acha algum que te agrada são as praças da cidade: Plaza Bib-Rambla (mais opções) e Plaza Nueva (mais caro e mais turístico).


Plaza de Bib-Rambla

Bares - Frequentávamos o pub irlandês Hannigan & Sons (Calle Cetti Meriem) e para tapas o Restaurante Paprika, além de outros que não sei o nome e/ou não achei na internet. Na Calle Elvira (cheia de hippies vendendo artesanato e bijus) tem muitos lugares legais e baratos para tapas e fica pertinho da Plaza Nueva. O Paprika é na verdade um restaurante vegetariano, no começo (ou final?) da Calle Elvira, mas que gostávamos muito das tapas.

Compras - As ruas com mais concentração de lojas legais eram a Calle Reyes Catolicos e a Calle Recogidas. Todas as cadeias de fast fashion estão presentes ali por perto. Aproveite também para dar uma paradinha na Plaza Isabel la Catolica para uma foto. Toda 4a feira (não sei se mudou), a Zara e outras lojas do mesmo grupo trocavam o estoque e tinham produtos novos e também era o dia que começavam novas promoções (eu fui no verão, em outras épocas não sei se vai ter tanta promoção). Leia sobre minhas lojas preferidas!

Supermercado - El Corte Inglés e Hipercor são as melhores opções. El Corte Inglés é uma loja de departamentos espanhola e tem um pouco de tudo, inclusive souvenirs. O Hipercor é mais popular e você pode economizar comprando produtos da marca do supermercado (estilo Carrefour).

Balada - Entra ano, sai ano, a Granada 10 continua firme e forte, apesar da decoração duvidosa. Outra opção é a Granero. As 2 ficam no centro histórico.

Transporte em Granda - O metrô ainda está em obras então só usei ônibus mesmo para ir para a rodoviária e para o Monasterio de la Cartuja. Todo o resto fiz a pé. Morava na Avenida Camino de Ronda, perto da Universidade (aproximadamente entre a estação de trem e o Parque García Lorca). Li na internet que a Avenida Camino de Ronda que eu morava está um caos hoje em dia por causa das obras do metrô (2013/2014). Aqueles ônibus hop-on/hop-off existem na cidade também e a parte interessante fica toda bem no centrinho, mas caso alguém se interesse, você pode comprar o ticket com a Ticketbar abaixo:

Ônibus Hop on Hop off em Granada





Transporte para outras cidades - A estação de trem é muito mais perto, mas os trens ali são demorados então eu preferia ir de ônibus até a rodoviária e de ônibus até as outras cidades que visitei.

Hotéis - Reserve o seu hotel em Granada através deste link do Booking e ajude o blog! Você não paga nada a mais por isso e nós ganhamos comissão! Dicas de hospedagem em Granada e outras cidades na Andaluzia!




Você sabia que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para entrar na Europa??? Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!




Mapa com todos as atrações de Granada




Aqui tem mais um relato do que fazer em Granada além da Alhambra. Para quem for seguir viagem, dicas da Sierra Nevada. Tem também 2 roteiros para a região no Viaje na Viagem:  roteiro 1 e roteiro 2, para quem tiver mais tempo.


Você já curte nossa fanpage no Facebook, já segue o nosso Twitternosso Instagram e o Google+?

26 comentários:

  1. Oi, Fer. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie - Boia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Natalie! Que honra!!! Eu levei um susto quando entrei lá no VnV antes mesmo de entrar no blog rs.

      Excluir
  2. Oi, Fernanda

    Nossa, que legal essa cidade. Sabe que sempre tive o sonho de conhecer a Espanha, principalmente Barcelona depois que vi aquelas olimpiadas onde o volei masculino do Brasil foi campeão? Pois bem, fui em Madri e Barcelona. Achei que já "tinha conhecido" a Espanha. Depois desse post, to vendo que preciso voltar.

    No tempo que morei em Edimburgo, conheci muuuuuuuuuuitos espanhois dessa região. Dizem que eles tem um dos sotaques mais dificeis da Espanha, o que vc achou? Pelo que tentei decifrar dos meus colegas conversando, achei meio complicadinho sim. Muito mais facil entender o pessoal de Madri. =DD

    ResponderExcluir
  3. Nossa, eu lembro bem da final de vôlei em Barcelona (entregando a idade rs)! Sempre quis e continuo querendo conhecer a cidade, mas tb sempre fui louca pra conhecer o sul da Espanha e quando fui estudar escolhi a região para ter tempo de conhecer melhor. Ainda assim, faltaram várias cidadezinhas para conhecer... Pode incluir no seu roteiro que você não irá se decepcionar! Vc já leu os outros posts da região? http://taindopraonde.blogspot.com.br/search/label/Andaluzia

    Eu sou suspeita pra falar de sotaque, tirando os argentinos, não vejo diferença! rs Acho que isso facilita na hora de aprender, ainda bem. Dizem que o pessoal da Andaluzia, mais ainda os de Granada, comem os "s" no meio das palavras mas eu nem percebia rs Só uma cantora na verdade que percebi.

    ResponderExcluir
  4. Oi Fernanda, tudo ok? Seu blog vai me ajudar bastante pois viajarei para a Espanha em setembro/outubro 2014. Vou de Sevilha para Valencia, mas gostaria de dar uma paradinha em Granada. Como você acha melhor fazer esses percurso? De ônibus, trem, uma combinação?
    Aliás, você indicaria outra cidade para conhecer entre Sevilha e Valencia no lugar de Granada? Sei que cada preferência é muito pessoal, mas gostaria de saber sua opinião ;)

    Valeu!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se eu fosse vc, não faria só uma paradinha em Granada não rs e tb conheceria + cidadezinhas ali perto rs. Olha só quanta opção: http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/11/post-indice-andaluzia.html. Mas se o tempo for curtíssimo, os 2 atrativos tops (além de Sevilha) da região ficam em Granada (Alhambra - http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/10/alhambra-em-granada-oitava-maravilha.html) e em Córdoba (a Mesquita - http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/10/o-que-fazer-em-cordoba-em-1-dia.html) que tb fica no meio do caminho entre Sevilha e Valência. Entre as 2 atrações eu ficaria com a Alhambra - só pra vc ter ideia, ela é tão linda que quase foi eleita uma das maravilhas do mundo (eu achei a maior injustiça não ter ficado entre os 7). Não sei agora, mas já foi a atração mais visitada da Espanha.

      Mas aí o problema é a logística da coisa... Se vc fosse direto, o trem rápido leva 3h30 +/-, mas indo para Granada, só tem a opção de alugar carro, ônibus ou trem devagar rs. Indo para Córdoba o trem é melhor, mas Granada não é bem servida por trem - prefira ônibus. Para ir de lá para Valencia é que complica!! 5h de carro, 8h de ônibus, de avião não compensa pq só tem com conexão longa e de trem tem que voltar para Sevilha e perder o dia inteiro ou viajar a noite inteirinha). Mesmo parando 1 noite no caminho - no caso do ônibus, acho que não compensa o cansaço - seriam trajetos longos dobrando o tempo da viagem de carro.

      Se vc não quiser de jeito nenhum alugar carro, eu sugiro tentar mudar o itinerário da viagem, tem como? A região da Andaluzia é complicada para andar sem carro. E sair de lá por Granada indo em direção à França é pior ainda! Demorei para responder pq fiquei procurando uma solução, mas não achei nada rs.

      Excluir
  5. Oi! Muito obrigado pela respostas, nossa!, com essa simpatia e dedicação leve o tempo que precisar rs

    É, a logistica é o que complica. Granada realmente ficará para a próxima. Optei por Cordoba, indo para lá de ônibus e de lá até Valencia de trem. Mas o valor do trem subiu muitíssimo desde a última vez que vi, me arrependi de nao ter comprado. To pensando em ir de Sevilha a Valencia direto de avião mesmo rs Em Sevilha talvez tente uma alternativa para ir a Cordoba e depois voltar a Sevilha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma pena estar tão pertinho e não incluir Granada na viagem, mas a logística no seu caso é complicada... Sim, fazer Córboba como bate-volta de Sevilha é tranquilo (pertinho), mas saia cedo para aproveitar melhor o dia. De trem dura entre 0h45 e 1h20 e custa entre 10 e 30 euros cada trecho (simulação para semana que vem). Do mesmo jeito, achei Sevilha - Valência a partir de 65 euros, e o trem leva menos de 4h pra chegar... Ou seja, acho que dificilmente o avião bate o trem - não se esqueça de somar as taxas, o tempo de deslocamento de/até aeroporto (estações de trem são mais centrais), tempo de check-in, limitação da bagagem, etc ao tempo de vôo. Vc teria que achar uma passagem de avião praticamente de graça (e viajar só com uma mala de mão) pra valer a pena.

      Excluir
  6. Olá, estamos indo para Espanha no dia 13 de dezembro. Faremos Sevilha para Granada de carro, de Granada a Valência de carro e de Valência para Barcelona! Você pode nos dizer como é a estrada entre Granada e Valência? É tranquilo dirigir por lá? Somos um casal e duas filhas adultas, 18 e 21 anos, então achamos que será mais econômico. Obrigado! Márcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Belo roteiro! Não tenho a menor ideia de como é a estrada Granada - Valência! Queria ter feito esse trajeto, mas não deu... De qq jeito, ônibus ou trem entre essas 2 cidades é inviável então o carro seria uma ótima opção. Só prestem atenção com a quantidade e tamanhos da bagagem pq 4 adultos em um carro, o porta-malas tem que ser grande e/ou as malas pequenas!

      Excluir
  7. Olá Fernanda! Adorei suas dicas! Viajaremos em julho com 2 crianças (9 e 6a) para o Sul da Espanha. O ponto de partida será Sevilha (congresso) e o destino final Barcelona. Pensamos em ir para Granada e algum lugar de praia (já que precisarei distrair as crianças um pouco). Qual outra cidade vale a pena? Qual o melhor meio de locomoção entre Sevilha (ou Granada) e Barcelona? Obrigada, Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, que bom que gostou! Apesar de Granada ficar no "meio" do caminho entre Sevilha e Barcelona, só é fácil ir de Granada pra Barcelona de carro (trajeto looongo) ou avião... Transporte de Granada pro lado direito do mapa é super complicado!!! rs Mais fácil voltar pra Sevilha ou seguir para Madri e então Barcelona. Apesar de ter ido pra lá no verão, não curto muito praia. O que o pessoal recomendava lá perto era a cidade de Nerja, pertinho de Granada. Se for seguir de lá para Barcelona de carro, uma ideia é parar em Almería, Alicante ou Benidorm pelo caminho. Málaga é outro destino recomendado na Andaluzia para praias (adorei a cidade), mas aí o trajeto seria Sevilha - Málaga - Granada - Barcelona. Prepare-se pq o calor na região em julho é de matar!!!

      Excluir
  8. irei a Granada e suas dicas foram ótimas.Tem sugestão de restaurante bom e q não seja mto caro.abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marilia, já faz bastante tempo que fui pra Granada e não lembro! O único que sei o nome é o Paprika, que está aí na parte de "bares". À noite, eu nunca jantava em restaurante. Só os acompanhamentos que eles servem de graça com as bebidas (tapas) já era suficiente (e as bebidas ainda eram baratas). Mas o sul da Espanha é baratíssimo em geral.

      Excluir
  9. Granada é linda mesmo!! Me deu uma vontade louca de voltar pra lá depois de ler seu post, que está excelente mesmo.
    Vamos passar umas férias na Andaluzia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos?? A Sônia (Coisa) tb quer, a Dani, a Gabi hehehe

      Excluir
  10. Tudo neste post é novidade para mim!
    Vou ter que voltar e ler mais vezes essas dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal - eu adoro descobrir lugares novos e já começo sempre a imaginar/planejar viagem pra lá hehehe

      Excluir
  11. Nossa, que demais!
    Eu adoro essas cidades históricas, e Granada está na minha lista. Preciso muito ir, ainda mais depois de ver esse post!
    Adorei, Fer!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Dani! Granada é até hoje uma das minhas cidades preferidas da Europa!

      Excluir
  12. Sabia que estive me Granada e não conheço Granada? Passei por lá para ir esquiar em Sierra Nevada. E isso foi lá no final da década de 90. Depois vi que a cidade é bem bonitinha, né?
    Agora que li esse post estou com a maior vontade de voltar ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. puxa, nem a Alhambra vc visitou?? Tem que voltar MESMO!

      Excluir
  13. podem me chamar para essas férias aí 😄 e quero conhecer essa casa de chá

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahhaa vamos combinar! Estou louca para voltar!

      Excluir
  14. Oi Fernanda! Ameeei os teus posts, estou lendo tudo, pois vou fazer intercâmbio final do ano e estava em dúvida entre Madri e Granada..., agora meu coração está batendo mais forte por Granada hehe (amo Federico García Lorca). É complicado ficar em Granada e visitar Madri num final de semana???
    Obrigada por todas as dicas!!! S2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal! Granada é muito amor!!! Eu prefiro o clima de cidades médias universitárias do que de cidade grande rs. Não é complicado e dá para fazer de trem ou ônibus (4h30/5h cada trajeto), mas eu fiz esse trecho de avião, tanto na ida como na volta. Acho que na verdade um fim de semana acaba sendo pouco tempo pra curtir Madri ainda mais que vc já perde umas 5h pra ir e outras 5h pra voltar - talvez o ideal seja ficar lá uns dias antes ou depois do intercâmbio, já que não existe voo direto daqui pra Granada!

      Excluir