quinta-feira, 28 de julho de 2016

Tiergarten, o principal parque de Berlim

O Tiergarten é o maior parque de Berlim (ou o 2o maior, dependendo da fonte) com 210 hectares e 2,10 quilômetros quadrados e dá para perceber o seu gigantismo batendo o olho no mapa da cidade. Ele já existe há mais de 500 anos e foi aberto para o público há 150 anos. Anteriormente, era uma área reservada para a realeza prussiana caçar. Em 1818 foi transformado em parque com paisagismo  de Peter Joseph Lenné. Durante e logo após a Segunda Guerra Mundial, as árvores ali presentes foram utilizadas pela população como lenha e a área foi utilizada para plantar vegetais e batatas, mas o parque está totalmente recuperado hoje e é o pulmão da cidade. 




A avenida que corta o parque, Straße des 17. Juni, e suas proximidades já receberam multidões em eventos especiais, como a vitória da Copa do Mundo de 2014, a comemoração dos 25 anos da queda do Muro de Berlim e a antiga Love Parade, que sempre acontecia por aqui. O parque foi tombado cerca de 20 anos atrás e é utilizado pelos habitantes de Berlim e pelos turistas para caminhada, corrida, praticar outros esportes e até picnic ou tomar sol.

Veja aqui todos os posts de Berlim no blog!


Berlim e o Tiergarten vistos do alto da Siegessäule
Essa foto fez sucesso no Instagram do blog. Já está seguindo???


terça-feira, 26 de julho de 2016

A Mole Antonelliana, o Museu Nacional do Cinema e o Palazzo Madama em Turim (Itália)

Depois do mais famoso Museu Egípcio, o Museu Nacional do Cinema é provavelmente a atração mais conhecida de Turim, juntamente com o prédio inusitado onde está instalado - a Mole Antonelliana, com ótimas vistas panorâmicas da cidade. Neste post, conto sobre este museu e também sobre o menos conhecido Palazzo Madama, igualmente lindo e totalmente surpreendente!


Mole Antonelliana e o Museo Nazionale del Cinema


Mole Antonelliana e o Museo Nazionale del Cinema - Turim
É até difícil tirar foto da Mole (como ela é chamada por lá)! Eu estava praticamente sentada na calçada na esquina para tirar essa foto e ainda ficou faltando um pedaço - o primeiro andar!


domingo, 24 de julho de 2016

Polo Reale Torino, o complexo real em Turim

O Polo Real de Turim abrange o Palácio Real, a Galeria Sabauda, a Biblioteca Real, a Armeria Real e o Museu Arqueológico e remete à família real italiana, que governou o país a partir de Turim. Desde que fiquei sabendo que a Casa de Sabóia (em alguns lugares também se fala Savóia) fez Turim como sua sede, queria visitar tudo possível relacionado à ela, que é uma das monarquias menos estudadas no colégio (lembro muuuito bem das monarquias inglesas, francesas, espanholas, portuguesas, austríacas e até um pouco da alemã, mas quase nada da italiana - quase como não tivesse existido).


Polo Reale Turim

Chegando em Turim, o tempo estava horrível, com muita chuva então almoçamos e seguimos para o escritório de informações turísticas. Com o nosso Torino Card em mãos (mais sobre isso em breve), seguimos para visitar o Palácio Real e as outras atrações do complexo, que ficam grudadas uma na outra, bem ali na Piazza Castello, a principal praça da cidade.

Palazzo Reale


De todas as residências da casa de Sabóia, o Palazzo Reale de Turim era o mais importante, pois era o centro do poder - foi sede da família real de Savoia de 1660 até a unificação da Itália. Elas foram declaradas patrimônio da humanidade pela UNESCO em 1997.

Palazzo Reale Turim
A entrada é bonita, mas não é o mais bonito de todos os palácios/castelos que já visitei.


segunda-feira, 18 de julho de 2016

O Castelo Estense em Ferrara (Itália)

Ainda vou fazer outro post aqui no blog sobre Ferrara, mas o castelo foi o principal motivo de incluir a cidade no nosso roteiro então nada mais justo do que um post exclusivo para ele!

Castelo Estense, Ferrara, Itália
Como não se impressionar com uma construção dessas? Me apaixonei com a primeira foto que vi, anos e anos atrás!

sexta-feira, 15 de julho de 2016

Como ir do aeroporto de Linate para o centro de Milão?

A maioria dos brasileiros chega em Milão pelo aeroporto principal, o Malpensa ou até mesmo pela estação de trem Milano Centrale (enorme, por sinal!), mas no meu caso, cheguei pelo aeroporto de Linate - menor e mais próximo do centro, depois de uma conexão em Paris. 

mapa de Milão com aeroportos e estações de trem
Mapa de Milão como os aeroportos e estações de trem da cidade. Fonte

quarta-feira, 13 de julho de 2016

O que ver e fazer na região do Checkpoint Charlie em Berlim

Impossível pensar em Berlim e não pensar no tão falado Checkpoint Charlie! Já falei aqui no blog que a "atração" em si nem é grande coisa, mas a região está repleta de coisas para ver e fazer, que são o tema do post de hoje!

Checkpoint Charlie, Berlim

O Checkpoint Charlie e seu entorno ficam muito perto da Avenida Unter den Linden, Potsdamer Platz (e Leipziger Platz) e mais ainda da Gendarmenmakt, todos já apareceram aqui no blog e como é bem central, é uma ótima localização para hospedagem para os turistas de primeira viagem.
Assinalei no mapa abaixo o Checkpoint Charlie em si com um estrela vermelha, outras atrações em vermelho, as estações de metrô com o "M", hotéis que comento abaixo, indicação de restaurante, café e praças, além do Mall of Berlin com o símbolo do euro.