quarta-feira, 9 de abril de 2014

The Springbok Experience - Museu do Rugby (Cidade do Cabo)

Quando estava pesquisando  sobre o que fazer na Cidade do Cabo, achei pouquíssima informação sobre o The Springbok Experience, mas quando cheguei lá, descobri que ficava pertíssimo do meu hotel. Eu passava em frente a esse museu todos os dias indo e voltando do V&A Waterfront. Influencida pelo filme Invictus, que eu tinha revisto uns dias antes da viagem, resolvi visitar o "museu do rugby" mesmo sem entender NADA do assunto e não saber uma regra sequer desse esporte.

The Springbok Experience

The Springbok Experience

The Springbok Experience


Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!




Para quem quiser entender melhor antes de ir, recomendo ler sobre rugby na Wikipedia no mínimo e assistir ao filme "Invictus" (trailer abaixo).



The Springbok Experience
"Nós vamos mudar a África do Sul no campo de rugby"

Logo na entrada tem esse livro em exposição, com fotos bem legais do jogo e você pode folhear a vontade.

The Springbok Experience

The Springbok Experience

Guia África do Sul: Lugares Incríveis
Precisa de ajuda para montar seu roteiro para a África do Sul? Indico esse guia acima - já contei tudo sobre ele aqui no blog!
Subindo para o 2o andar, a escada é toda decorada com fotos e frases relacionadas ao jogo ou de jogadores/técnicos/personalidades do rugby.

The Springbok Experience

The Springbok Experience

The Springbok Experience
"Um jogo de rugby é um trabalho de arte." - Daniel Craven

Diz a lenda que William Webb Ellis inventou o jogo em 1823 na escola Rugby na Inglaterra e que era mais parecido com futebol e as regras foram sendo criadas aos poucos. Na metade do século XIX, o esporte chegou na África do Sul pelos imigrantes ingleses. Era um sinal de masculinidade, força física e disciplina.

The Springbok Experience
Frase de um jornal do século XIX, dizendo que o rugby não seria popular na região do Cabo. Nos anos 1880 era tão popular que só no Distrito 6 (assunto para outro post) tinham 4 times.

The Springbok Experience
Estátua do cônego George Ogilvie.
George Ogilvie (acima) introduziu o "football" na África do Sul em 1861, que misturava regras do futebol e do rugby. O jogo ganhou o nome de "Gog´s game" por causa dele, que achava o rugby muito violento e misturou com regras que tinha observado no futebol de escolas da Inglaterra (Eton, Winchester e Harron). Foi contra as regras exclusivas de rugby na década de 1870.


The Springbok Experience
Quadro "Football Match at Rondebosch" de Otto Landsberg, um alemão comerciante de tabaco que era pintor nas horas vagas - quadro de aproximadamente 1880.

The Springbok Experience

Alguns dos troféus que os sul-africanos ganharam.

The Springbok Experience

The Springbok Experience

The Springbok Experience
Estátua de Paul Roos - capitão do time nacional em 1906

The Springbok Experience
Uniforme antigo - já era verde no século XIX, mas o nome "Springbok" só surgiu em 1906.

O springbok é um animal comum no sul da África, uma espécie de antílope e o nome em português seria cabra de leque.

The Springbok Experience

Espalhados pela exposição, você encontra esses "rugby facts", com curiosidades como essa acima e abaixo. A pergunta acima é "qual era o peso dos primeiros forwards da seleção?". Você abre e vê a resposta: "Em 1906/1907 o peso era em média 84kg, menos do que hoje".

The Springbok Experience

The Springbok Experience
Escolha o ano e veja o uniforme

The Springbok Experience

The Springbok Experience

O rugby era tão popular por lá que em 1902 foi motivo de um cessar-fogo da Guerra dos Bôeres.

The Springbok Experience

The Springbok Experience
"O apartheid no esporte, assim como em outros campos, é abominável."

The Springbock Experience
Em 1995 a África do Sul sediou a Copa do Mundo de Rugby, o primeiro grande torneio para o time depois do apartheid. Foi a primeira vez que o país sediou esse evento.

The Springbok Experience
Estátua do Mandela entregando a taça da Copa de 1995 para o capitão sul-africano. Veja no filme "Invictus" o motivo dessa Copa ter sido tão especial.

The Springbok Experience
Um joguinho para você montar a frase correta.

The Springbok Experience

The Springbok Experience

The Springbok Experience
"Crescendo na África do Sul, rugby é como uma religião e você só sonha em jogar pelo seu país. - H.O. de Villiers"

The Springbok Experience
Outro joguinho, esse eu não entendi de jeito nenhum hehehe

The Springbok Experience
Mostrando em tamanho real a altura de jogadores de rugby ao longo dos tempos.

The Springbok Experience
Aqui você escolhe um jogador e vê as principais informações sobre ele.

A última sala é um cineminha que mostra um vídeo de 7 minutos sobre a importância do rugby em várias partes do país. Abaixo vocês podem ver os highlights da final da Copa de 1995, África do Sul x Nova Zelândia (o principal rival).



The Springbok Experience
Fachada

The Springbok Experience
Essa roda gigante aí é do Waterfront

The Springbok Experience

Outro dia voltando para o hotel, vi esse treino de rugby na frente do museu.

The Springbok Experience

Informações Práticas


Abre todos os dias exceto Natal, das 10h às 18h  e o preço regular é R50 (+/- US$ 5,00). Você ganha 10% em desconto nos produtos da lojinha, que fica logo na entrada da atração e é ótima (uma das melhores lojinhas que vi e o preço era bom - uma caneta que em lojas de souvenirs eram feias/exageradas e custavam R50, aqui custavam R15 e eram mais discretas).

entrada The Springbok Experience

Abaixo tem 2 mapas para vocês se localizarem. Se estiverem com o ônibus hop-on, hop-off, desçam na parada em frente ao aquário que é bem pertinho para ir a pé.

mapa The Springbok Experience

mapa The Springbok Experience

Apesar de não entender nada de rugby, curti bastante o museu porque é bastante interativo. Só acho que deveria ter mais informação sobre as regras. Como TUDO é em inglês, só vale a pena para quem entende bem o idioma. Eu passei 1h por lá, mas não vi todos os vídeos e nem joguei todos os joguinhos, daria para passar 2h tranquilamente, ainda mais se for alguém que goste do esporte, conheça os jogadores, etc.

Reserve o seu hotel na Cidade do Cabo através deste link do Booking e ajude o blog! Você não paga nada a mais por isso e nós ganhamos comissão!

Alguém aí já conhecia? O que acharam? Essa visita só me deu mais vontade de visitar o Museu do Futebol em São Paulo, que ainda não fui!


Você já curte nossa fanpage no Facebook, já segue o nosso Twitternosso Instagram e o Google+?

10 comentários:

  1. Gosto de visitar museus diferentes e inusitados, que fujam daquilo que me é familiar e que já agrada antes mesmo de entrar. É legal se deixar surpreender, o que seria o caso. Curti. BjO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu curti esse museu justamente pq me deixei surpreender!

      Excluir
  2. Este post me lembrou que me devo uma visita ao museu do futebol em São Paulo... :)

    ResponderExcluir
  3. Não entendo nada do esporte e não sabia que era tão famoso por lá. Interessante!

    ResponderExcluir
  4. Eu que não entendo absolutamente nada de Rugby, não imaginava ter um museu dedicado a isso! Que bacana. Diferente :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Continuo sem entender as regras hahaha mas agora sei um pouquinho da história desse esporte pelo menos!

      Excluir
  5. Quando penso que não, vejo mais um post sobre a África do Sul hahahaha
    Será que é um sinal???
    Incrível como estou descobrindo lugares em Cape Town que eu não sabia que existiam. Um deles é esse Museu do Rugby. Gostei ;)
    Quem sabe não vou lá na tão sonhada viagem?
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha Tem bastante coisa sobre Cape Town aqui no blog Gaby! E olha que não deu tempo de fazer tudo não!

      Excluir