domingo, 24 de novembro de 2013

Como melhorar o seu espanhol ou qualquer outra língua em um intercâmbio

Quando fiz intercâmbio na Espanha, fazia várias coisas para aprender espanhol mais rápido. Além de não ter tantos amigos brasileiros, aqui estão as minhas dicas. Tudo isso também pode ser aplicado para conhecer melhor a cultura de algum lugar.

Assistir TV


Mesmo que você não assista tanto no Brasil, é super interessante assistir jornais e programas populares do lugar onde estiver porque os apresentadores normalmente falam super rápido e você tem que fazer um esforço para entender. Aos poucos vai ficando menos difícil.

logo TVE
TVE, uma das principais emissoras, logo da Wikipedia


Comprar livros em sebos


Eu comprei vários livros em sebos (porque eram mais baratos), lia um pouco todo dia antes de dormir e uns dias antes de ir embora, voltei no mesmo sebo e revendi os livros. Fiquei com um ou dois que gostei mais, mas recuperei grande parte do dinheiro.


Pesquisas depois das aulas


Fiz o curso que incluía aulas de gramática de manhã e algumas aulas de "cultura" à tarde. A gente discutia temas como futebol, música, gastronomia, livros, cinema, poesia e etc e eu sempre pesquisava e lia sobre esses assuntos depois da aula para aprofundar o conhecimento e treinar o idioma. Aproveitava a hora da siesta, que ninguém tinha coragem de sair na rua com aquele calor para isso (e para as lições de casa do curso).

Conversar com a família hospedeira


Aqui está a maior vantagem em ficar em casa de família. Você tem várias pessoas para conversar. Eu aproveitava quando a avó e o tio da família apareciam para tentar entender o que eles conversavam, além de perguntar para os meninos (que tinham menos de 10 anos) sobre o que tinham feito na escola naquele dia. As crianças usam gírias e não se preocupam em usar palavras mais fáceis, como os adultos podem fazer de vez em quando e aí você acaba aprendendo mais.

Ler jornais


Não tinha muito tempo e nem paciência para isso, mas no caminho para a escola, eu aproveitava para ler pelo menos as manchetes dos principais jornais. Aí também comparava as manchetes e acabava aprendendo alguns sinônimos.

jornal El País
Jornal "El País", um dos principais na Espanha, imagem da Wikipedia

Cinema dublado


Em muitos países, por exemplo na Espanha, todos os filmes no cinema são dublados e é quase impossível achar filmes legendados. Fui com amigos do curso ver "Carros", "Volver" - que é espanhol mesmo - e outros dois filmes que nem lembro o nome. Era muito engraçado ouvir "Rayo McQueen" rs. Mas o pessoal dos níveis mais básicos sofriam para entender alguma coisa. A primeira vez que fomos, ninguém sabia que o filme seria dublado e eles acabaram não voltando mais. Eu ia com uma menina que estava mais adiantada.

Servir de tradutor


Todo mundo recomenda fugir dos americanos e ingleses. Mas como tinham muitas pessoas que estavam no nível básico que falavam inglês, ao invés de me isolar de todos eles, eu aproveitava para servir de tradutora em lojas e restaurantes porque eles não conseguiam se entender com vendedores, garçons e cardápios.

Ouvir música do país


Com as dicas que os professores davam nas aulas de cultura, pesquisava e comprava vários cds de bandas espanholas e fazia um esforço para entender as letras das músicas. Mas vou falar mais desse tópico em outro post.

cd Zapatillas
capa do cd "Zapatillas", do El Canto del Loco, imagem do site oficial da banda

Para dicas de como aprender alemão, veja esse site sensacional: Aprender Alemão

Alguém aí tem mais dicas para treinar outros idiomas em intercâmbio ou em viagens em geral?


Você já curte nossa fanpage no Facebook, já segue o nosso Twitternosso Instagram e o Google+?

2 comentários:

  1. Eu adoro TVE. Quando bate muita saudade da Espanha, eu fico uns minutinhos assistindo esse canal. #aloka =P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha eu não assisto muito não, prefiro ouvir as músicas que ouvia por lá pra matar a saudade! rs

      Excluir