quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

A ponte para navios em Magdeburg (Alemanha)!

Já dei dicas aqui no blog sobre hospedagem e restaurantes em Magdeburg, cidade onde parei por um fim de semana entre Frankfurt e Berlim. Um dos motivos que resolvi parar aqui, foi essa ponte louca que descobri na internet uns tempos atrás. O dia estava bem feio e o passeio é inteirinho em alemão e apesar de nem ligar para engenharia e coisas do tipo, é uma coisa muito louca estar em um navio atravessando um ponte e um outro rio passando ali embaixo!

No próximo post, conto o que mais tem para fazer em Magdeburg, mas tive que separar em 2 posts, para não ficar gigante!


A ponte


Aberta em outubro/2003, essa ponte é o maior aqueduto navegável do mundo, com 918m e conecta o canal Elbe-Havel com o canal Mitteland, encurtando consideravelmente o tempo de navegação na região. A ideia de conectar os 2 canais já existia há mais de 100 anos e construção da ponte se iniciou em 1905!!! Claro que a Segunda Guerra Mundial paralisou a construção. Durante a Guerra Fria, o projeto também foi deixado de lado pois o comércio leste-oeste não era mais interessante e somente após a reunificação da Alemanha é que o trabalho foi retomado (1997/1998). Segundo a wikipedia, custou cerca de 501 milhões de euros.

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Mapa da Wikipedia. Vermelho = caminho antigo que os barcos faziam e amarelo = caminho mais curto atual

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Foto da wikipedia

Olha no vídeo abaixo como é a história!







Você sabia que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para entrar na Europa??? Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!




Como é o passeio de barco para a Wasserstrassenkreuz (ponte de água) em Magdeburg


Como fui em outubro, os dias não estavam mais bonitos e as opções de horário eram poucas. Cheguei na cidade, deixei minha mala no hotel e corri pegar o barco. Acabei comendo uma salsicha no barco mesmo porque não tive tempo de almoçar. Mas de abril a setembro, existem mais opções de dias e horários para fazer esse passeio que dura a tarde inteira (das 13h as 17h)!  


Não existem muitas informações sobre turismo em Magdeburg em português na internet (e aliás, nem em inglês) então segui a recomendação do site de turismo da cidade e fiz o passei com a Weiße Flotte Magdeburg. Não sei se existe outra empresa que faça esse passeio, mas acho que não. Eles também oferecem alguns passeios panorâmicos mais curtos pelo Elba saindo no mesmo pier, a partir de 8,50 euros (1h).

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Fotos de um livrinho que comprei por lá, a linha vermelha é o trajeto do passeio. Magdeburg estaria embaixo do mapa.

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Tem até uma prainha no rio Elba! Barco do passeio

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
A primeira parte do passeio é a mais demorada e mais tranquila - até a 1a eclusa

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
As eclusas que passamos no passeio - fotos do livrinho que falei acima

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Agora sim, atravessando o rio!!!

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha

Ponte para barcos em Magdeburg, Alemanha
Salsicha que foi o meu almoço no barco mesmo e um pouquinho da cidade na volta para o pier (mais sobre Magdeburg nas próximas semanas)!

Informações Práticas



Passeio Wasserstraßenkreuz Große Acht
Preço: (2016): 24,50 € (adulto) - vejam descontos para crianças/grupos/etc no site
Duração: 4h
Dias e horários: consultar o site porque varia conforme a estação
Local de embarque e desembarque: Petriförder (pier no centro da cidade, impossível não achar!) Na beira do rio, atrás da igreja Petrikirche.


Nenhum comentário:

Postar um comentário