domingo, 17 de maio de 2015

Como eram a Berlim e a Alemanha socialistas? 2 museus incríveis e interativos em Berlim sobre a vida neste período!

Não sei você, mas eu sempre tive curiosidade para saber como seria viver no socialismo. Nascida antes da Queda do Muro de Berlim, eu era muito pequena e nem lembro de quando ele caiu, mas lembro da importância que o tema era tratado na escola e na mídia . Todo mundo que pesquisa sobre Berlim, acaba lendo sobre o já famoso DDR Museum, na beira do rio Spree e pertinho da Berliner Dom. Esse museu mostra muito de como era a vida na Alemanha socialista, de uma maneira bem interativa. O museu é super legal e definitivamente recomendo a visita, mas um pouco antes de ir para Berlim, descobri outro museu bem parecido de graça - o Alltag in der DDR, dentro do complexo Kulturbrauerei!!!

DDR Museum e Alltag in der DDR em Berlim
DDR Museum e Alltag in der DDR em Berlim, qual será que é melhor???



Você sabia que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para entrar na Europa??? Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!



DDR Museum


Colado na famosa Ilha dos Museus (mais detalhes futuramente em outro post), essa atração está sempre cheia. Acho que todo mundo tem curiosidade para ver como era a Alemanha e Berlim socialistas (eu pelo menos estava super curiosa). O destaque fica para um Trabant, carro típico da época, que você pode até sentar e "dirigir" e uma réplica de um apartamento socialista. Aliás, o museu inteiro é bastante interativo, você pode abrir todos os compartimentos para obter mais informações, "atender" telefones e ouvir histórias, etc (em alemão e inglês). Na última sala do museu, focam bastante no partido socialista e achei essa a parte menos legal do museu.

DDR Museum Berlim
Esse e o famoso Trabrant ou Trabi, o carro símbolo das famílias socialistas (que você pode entrar e "dirigir") e o Ampelmann - o homenzinho dos sinais para pedestres na Alemanha socialista, que hoje virou o souvenir mais legal do leste da Alemanha!

DDR Museum Berlim
Na esquerda tem um mapa que mostra a Avenida Unter den Linden e onde ficava o Palast der Republik, na foto da direita, que foi demolido depois da reunificação da Alemanha para dar lugar à réplica do antigo palácio dos reis prussianos que existia no mesmo local.

DDR Museum Berlim
As férias na Alemanha socialista e o xixi coletivo das crianças nas escolinhas - era um modo de fazer as crianças entrarem na mentalidade socialista desde cedo.

DDR Museum Berlim
Mapa do metrô na Berlim socialista - as estações que estão só contornadas foram fechadas porque as linhas de metrô iam também para o lado capitalista da cidade! Essas estações ficaram fechadas até os anos 90 e eram chamadas de "estações fantasma"! Imagina a confusão no sistema de transporte por conta da divisão da cidade!

DDR Museum Berlim

DDR Museum Berlim
Alguns produtos encontrados nos mercados socialistas

DDR Museum Berlim
Um banheiro nos apartamentos típicos socialistas. No gráfico da esquerda, podemos ver como as condições de moradia melhorou nos anos 70 e 80, mas ainda estava longe do ideal!

DDR Museum Berlim
Muitos moradores de cidades tinham o seu pequeno jardim próprio nos arredores da cidade  com uma pequena cabana e eram nesses jardins que passavam a maioria dos fins de semana, cultivando sua horta. Leia mais sobre os allotments na Alemanha (em inglês) ou horta urbana. Á direita, alguns aparelhos de rádio.

DDR Museum Berlim
O ponto alto do museu na minha percepção - a reprodução de um apartamento socialista! A TV passa programas da época, os livros, móveis, cores na decoração, enfeites, tudo é da época!

DDR Museum Berlim
Acima, uma cozinha daquela época e embaixo, exemplos de roupas (e modas) da época!

DDR Museum Berlim
Os membros mais poderosos do partido não eram tão socilistas assim e tinham várias vantagens, como televisão mais moderna e mais variedade e qualidade na cozinha!

DDR Museum Berlim
Mapa da Alemanha socialista, com Berlim capitalista bem no meio!

DDR Museum Berlim
Um pedaço do muro já meio destruído e acima, uma cela para as pessoas contra o regime. Não tirei muitas fotos da parte final da exposição - sobre o partido.


Informações Práticas
Horário: todos os dias das 10h às 18h. Sábado até 20h.
Localização: Karl-Liebknecht Strasse, 1 (SBahn Hackescher Markt - S5, S7, S75, S9)
Preço: 7 euros
DDR Museum Berlim
O restaurante do museu (indicado no mapa) fechou para aumentar o espaço da exposição!

Compre o seu ingresso pelo parceiro Ticketbar e ajude o blog a se manter!





Alltag in der DDR


Essa atração é nova (abriu em novembro/2013) e bem menos famosa do que a anterior, mas com a grande vantagem de ser grátis e não perder a qualidade por isso! Não tão bem localizada como o DDR, mas ainda na zona turística, a exposição "Alltag in der DDR" fica no complexo Kulturbrauerei em Prenzlauer Berg (que vou detalhar em outro post). Com mais de 800 objetos originais e muitos vídeos, a primeira parte da exposição, sobre a vida de pessoas comuns, é a mais legal e o destaque é um Trabant (o mesmo carro que falei acima) com uma barraca de camping acoplada e toda uma ala sobre as férias dos cidadãos comuns na época socialista - acampar tornou-se provavelmente a atividade preferida durante as férias. Existe uma sala também sobre as empresas dessa época e achei a parte menos legal. Aqui, não falam muito sobre o partido. Achei o lugar bem vazio, então você não é atrapalhado por outros visitantes, como aconteceu comigo no primeiro museu, que estava lotado!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Alguns produtos no supermercado e uma banca

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Acima à esquerda, um restaurante socialista - muitas vezes os pratos eram riscados do cardápio por falta de ingredientes. Embaixo à direita, um pacote que os parentes do oeste enviavam para a população do leste e sempre eram abertos pelo governo - muita coisa era confiscada!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
A moda naquela época - as mulheres se viraram para copiar modelos de roupas que viam em revistas e um pouco dos apartamentos daquela época. Logo após a 2a Guerra, muitos prédios e casas estavam destruídos e grande parte da população não tinha onde morar. O problema de habitação era gigante! Os jovens casavam e iam morar com pais e avós porque a fila para conseguir um apartamento novo era enorme!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Um cabana de allotment (explicação no museu acima) e símbolo da polícia do povo - existiam muuuitos espiões do governo infiltrados em todos os lugares!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Essa invenção fez sucesso na Alemanha socialista! Acampar era uma paixão para os alemães e as opções de férias eram escassas. Um casal alemão teve essa ideia de acoplar uma barraca no teto do Trabant e isso virou objeto de desejo!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Os alemães da parte socialista podiam passar as férias em poucos lugares  República Tcheca e Hungria eram os mais populares.

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei
Em uma fábrica socialista, tudo era controlado, desde a arrumação do armário do funcionário até as férias (muitas empresas ofereciam casas de campo ou praia para os funcionários se hospedarem. Para aumentar o sentimento de comunidade, todos eram praticamente obrigados a participarem de atividades após o trabalho como grupos de leitura e de esportes, assim a empresa e o governo controlavam também o tempo livro das pessoas.

Informações Práticas
Horário: de 3a a domingo das 10h às 18h, 5a até 20h. Fechado 2a.
Localização: Knaackstrasse, 97 (dentro do complexo Kulturbrauerei) - U Eberswalder Straße (U2)/ Tram M1, M10, 12
Preço: de graça!!!
App: Clique aqui para baixar o app da exposição em espanhol - de graça!

Alltag in der DDR - Kulturbrauerei


Os 2 museus são imperdíveis!!! Tem uma parte que é praticamente igual, mas tem bastante coisa diferente e complementar nos 2 lugares. Super recomendo a visita!!!

O blog visitou o DDR Museum a convite, mas a opinião contida neste post é imparcial.

Como eram a Berlim e a Alemanha socialistas? Museum DDR e Alltag in der DDR em Berlim


10 comentários:

  1. Nossa que massa! Fiquei louca para conhecer estes museus! E andar no carro é claro! Adorei as dicas! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa De, eu amei conhecer toda essa parte da História, que até conhecer Berlim eu não gostava não...

      Excluir
  2. Fer, que demais esse museu!! Imagino que Berlim deva ser muito cheia de história, mas museus interativos ganham sempre meu coração!
    Adorei as fotos e o relato.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem coisa demais pra ver em Berlim e vários museus são interativos!!!

      Excluir
  3. UAU! Preciso desse museu! Adoro ler e conhecer histórias da época do socialismo. Durante a minha volta ao mundo, passei por muitos países do Leste Europeu e aprendi demais sobre esse período da história. Berlim está na minha top lista. Obrigada pelas dicas! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que estar mesmo! Berlim merece! Vc vai adorar!

      Excluir
  4. Olá, Fernanda. Estava pesquisando sobre os museus imperdíveis em Berlim e achei esse seu post ;-) Pequena dúvida: ambos possuem audio guide? O DDR parece que tem até em portugues...
    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anderson, enviei um email para os responsáveis do museu DDR com a sua dúvida porque pelo que eu me lembre, não tem audioguide em português. O Alltag in der DDR também não tem, mas existe um app grátis em espanhol: http://www.hdg.de/berlin/apps/app-alltag-ddr/. Vou até acrescentar essa info no post!

      Excluir
    2. Anderson, recebi a confirmação que não tem audioguide no museu, nem em português nem em outro idioma. Mas é possível agendar um tour guiado em português (pago) através do email janine.henschel@ddr-museum.de.

      Excluir
    3. Anderson, eles não tem audioguide em português não!

      Excluir