domingo, 29 de maio de 2016

Dica indispensável para viagens no Dia dos Namorados (e outras datas comemorativas)!

O Dia dos Namorados (clique no link para ler sobre a história da data) no Brasil está chegando e aposto que muita gente por aí vai dar uma escapadinha no fim de semana para alguma cidadezinha interessante! E mesmo quem estiver de férias e viajando pelo Brasil no dia 12/junho deve prestar MUITA atenção nessa dica, que é bem rapidinha, mas é de ouro!

Happy Valentine´s Day
Imagem com permissão para reprodução

Aliás, ainda não programou o seu Dia dos Namorados? No interior paulista, sugiro HolambraÁguas de Lindóia ou Socorro!

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Dicas práticas para viajar de trem e ônibus na Alemanha

Já existem dezenas de posts (muitos bons) em vários blogs por aí ensinando como comprar passagem ou utilizar os trens (ou ônibus) na Alemanha (ou na Itália, na França, etc) então vou focar o post em diquinhas básicas que aprendi durante meus 2 meses e pouco na Alemanha no final de 2014, fazendo muito passeios saindo de Frankfurt ou de Berlim. E claro, vou linkar aqui os textos relacionados que encontrar em outros blogs, explicando as coisas mais básicas e passo-a-passos.

Dicas práticas para viajar de trem e ônibus na Alemanha - Berlin Hauptbahnhof
Berlim Hauptbahnhof

Dicas práticas para viajar de trem e ônibus na Alemanha - Frankfurt Hauptbahnhof
Frankfurt Hauptbahnhof

Como comprar passagem de trem e ônibus - trajetos entre cidades diferentes



Para comprar pelo site da Deutsche Bahn, recomendo os posts do Viaje na Viagem e o do Agenda Berlim, os 2 com imagem tela a tela e dicas complementares. Sobre viajar de trem pela Europa, leia esse post do Viajoteca. Neste outro post do Viajoteca, tem o vocabulário para viajar de trem na Alemanha. Comprando seu ticket online, não se esqueça de levar o cartão de crédito, porque é pedido sim dentro do trem!!! O preço varia muito conforme a antecedência, então planejar é a melhor solução para o seu bolso! Recomendo demais baixar o app da DB também - utilizei bastante na Alemanha. Para quem quer parar em alguma cidade no meio do caminho e seguir viagem no mesmo dia, o Sundaycooks dá o exemplo neste post de como fazer um pit-stop em Dresden, entre Berlim e Praga.

Para pesquisar sobre ônibus intermunicipais na Alemanha, recomendo este post do Viajoteca, que inclusive me salvou quando a Deutsche Bahn entrou em greve e eu queria passar o fim de semana em Heidelberg.

A seguir, os tipos de trens e passes, bagagem nos trens, reservar assento ou não, trem x ônibus para outras cidades, qual a melhor estação em Berlim e dicas para se encontrar nas estações!

terça-feira, 24 de maio de 2016

Como é o Eataly em São Paulo-SP?

Demorei tanto para escrever esse post, que o Eataly não é mais novidade, mas agora que estou na Itália, percebi que faltava o post sobre o Eataly São Paulo! Se tudo der certo, nessa viagem vou conhecer mais algum(ns) Eataly(s) por aí! No comecinho do blog, contei um pouco sobre o Eataly de Nova York!

Eataly São Paulo

O Eataly (fusão das palavras EAT = comer com ITALY = Itália) foi instalado em São Paulo porque é impressionante o número de italianos fora da Itália na cidade (e estado inteiro para falar a verdade). São 4.500 m2, com 13 pontos de alimentação, um mercado com mais de 7 mil produtos italianos (ou de pordutores locais que seguem as tradições) de qualidade.


domingo, 22 de maio de 2016

O que fazer em 1 ou 2 dias em Dresden (Alemanha)?

Durante meu intercâmbio em Berlim, tinha inicialmente planejado passar um fim de semana em Dresden, mas eram tantas cidadezinhas lindas para conhecer, que cortei algumas coisas e fui para Dresden em um sábado com uma colega de curso de alemão, voltando para Berlim no mesmo dia. Acabei entrando somente em uma atração, o Historisches Grünes Gewölbe (veja o post do blog clicando no link) - MARAVILHOSO, mas poderia ter entrado em muitas outras, caso tivesse realmente passado 2 dias na cidade (e por isso o título do post!).

A cidade começou a se destacar no século XV e floresceu no século XVIII, pois se tornou o centro cultural do reinado de Augusto, o Forte. Na noite de 13 para 14 de fevereiro de 1945 quase tudo foi destruído quando as forças aéreas britânicas e norte-americanas bombardearam maciçamente a cidade (aliás esse episódio é contado no livro "Os Bebês de Auschwitz" que indiquei aqui).. Após um meticuloso trabalho de restauração, o principal simbolo de Dresden hoje é a Frauenkirche, com tijolos novos e antigos.


O que fazer em 1 ou 2 dias em Dresden (Alemanha)?
Principais pontos turísticos de Dresden

Frauenkirche, Dresden
Eu e a maravilhosa Frauenkirche

outono na Alemanha
outono na Alemanha



Existe um cartão para desconto em atrações, o Dresden Card, a partir de 10 euros para um dia. Mais detalhes no site de turismo da cidade.

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Onde ficar, onde comer e onde não comer em Aguas Calientes (Peru)

Depois de aproveitar bastante a sensacional Cusco, dormimos uma noite no Valle Sagrado (em Urubamba) e mais uma noite em Aguas Calientes para conseguir aproveitar bem Machu Picchu. O hotel onde ficamos foi aprovado, mas nem todos os restaurantes infelizmente! Leia o post de hoje para escapar da maior furada da sua vida!

Onde ficar em Aguas Calientes


As opções no povoado de Aguas Calientes (também chamado de Machu Picchu Pueblo) são muitas (e existe inclusive um super hotel na entrada do parque de Machu Picchu, no alto do morro - Belmond Sanctuary Lodge), mas a maioria é simples demais (e barato) ou luxuoso (e caro). Não foi tão fácil achar algo com preço ok e que não fosse uma espelunca. Encontramos o Ferré Machu Picchu, na rua da estação de trem, um pouco fora do burburinho maior, mas a uma distância totalmente tranquila para caminhar à noite.

Onde ficar em Aguas Calientes - Hotel Ferré Machu Picchu
Fachada do hotel - não coube em uma foto! A sala do café da manhã e a vista desta sala. Acho que no verão devem abrir esse terraço.

Onde ficar em Aguas Calientes - Hotel Ferré Machu Picchu
Quarto triplo e banheiro - como estávamos só com nossas malas de mão, sobrou muito espaço nesse quarto!


terça-feira, 17 de maio de 2016

Palácio de Charlottenburg em Berlim

Se você curte esse clima de palácios e castelos, o Palácio Charlottenburg é sua única opção de visita em Berlim mesmo, embora um pouquinho fora de mão das atrações turísticas. Fora isso, o mais perto e recomendadíssimo é o Palácio Sanssouci (e outros palácios) em Potsdam - bate-volta tranquilo.

Veja aqui todos os posts sobre Berlim no blog! Já são mais de 40!

O palácio começou como uma casa de veraneio para Sofia Carlota, mulher do eleitor Frederico III e era chamado de Schloss Lietzenburg. Sua construção foi iniciada em 1695 e entre 1701 e 1713, o palácio foi ampliado e em 1705 recebeu o nome de Charlottenburg, após a morte de Sofia Carlota. A torre barroca do palácio é um dos emblemas de Berlim e é a parte mais antiga da construção. No alto, temos  a estátua dourada da Fortuna, por Richard Scheibe. Frederico, o Grande construiu a ala leste entre 1740-42. Na frente do palácio, temos a estátua de Frederico I.

Palácio de Charlottenburg, Berlim

Palácio de Charlottenburg, Berlim
Chegando no palácio, encontrei um dos ursos fofos espalhados por Berlim!

domingo, 15 de maio de 2016

Peru, Estados Unidos, Berlim e Baden-Württenberg

O que esses destinos têm em comum? Aqui no blog já são quase 50 posts sobre Berlim,  cerca de 15 sobre o Peru e mais de 60 sobre os Estados Unidos, para onde já fiz 4 viagens, mas não me canso de aprender e buscar informações sobre esses locais e sobre outros locais que ainda quero conhecer - como por exemplo o sul da Alemanha.

Berlim, Machu Picchu, Estados Unidos e Baden-Württenberg (sul da Alemanha)
Em sentido horário: Portão de Brandemburgo em Berlim, Machu Picchu no Peru, Estátua da Liberdade nos Estados Unidos e castelo de Heidelberg, em Baden-Württenberg (sul da Alemanha) - única partezinha que conheci desse estado maravilhoso!


quinta-feira, 12 de maio de 2016

O que fazer em Aguas Calientes antes ou depois de Machu Picchu

Aguas Calientes é o fim da linha de trem para quem vem de Cusco (ou Ollantaytambo) e vai visitar Machu Picchu e é impossível chegar ali de carro ou equivalente, pois não existem estradas. As ruas do povoado são somente para pedestres e o local é bem pequeno, mas dispõe de dezenas de opções de hospedagem, que vou comendar e recomendar no próximo post.

Aguas Calientes ou Machu Picchu Pueblo, Peru
Na praça principal da cidadezinha - apesar da placa, ainda falta uma bela de uma subida para realmente chegar a Machu Picchu!

Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!


O que fazer em Aguas Calientes antes ou depois de Machu Picchu


A principal ocupação dos turistas é caminhar pelo centrinho do povoado, observar as lojinhas de souvenir e a feirinha de artesanato na saída da estação, tirar fotos dos rios Aguas Calientes e Urubamba (que se encontram no centrinho) e na praça principal, comer e se preparar para a subida a Machu Picchu. Além disso, é possível aproveitar as águas termais, como a dupla do blog Andarilhos no Mundo tentou fazer.

Aguas Calientes ou Machu Picchu Pueblo, Peru
Feirinha na saída do trem e o povoado que muitas vezes lembra uma favela com diversas casas inacabadas.

Aguas Calientes ou Machu Picchu Pueblo, Peru



terça-feira, 10 de maio de 2016

Viagem Cultural (+intercâmbio) com a Ana, do blog ItaliAna!

Aqui no blog tem um monte de posts sobre intercâmbio (clique no link para ler todos), mas ao contrário do que muita gente pensa, intercâmbio não tem limite de idade não! Eu mesmo já fiz um depois dos 30 - a viagem para a Alemanha que ainda está rendendo posts por aqui. O melhor exemplo que vi recentemente de que é possível fazer intercâmbio de idiomas em qualquer idade é a Viagem Cultural organizada pela Ana, do blog ItaliaAna!

Viagem Cultural com o blog ItaliAna

No momento que este post for ao ar, estarei viajando pela Itália pela primeira vez então em breve haverão muitos posts sobre a Itália aqui no blog! Acompanhe a viagem pelo Instagram!

A viagem cultural na verdade vai além das aulas de italiano, pois na programação tem também passeios culturais e históricos em Roma, degustações de vinho e aula de culinária, escapada para a Toscana e muito mais! Vejam a programação completa aqui! Como a viagem é só em outubro, ainda surgirão mais programas adicionais, mas corra para garantir a sua vaga porque elas são limitadas!


domingo, 8 de maio de 2016

Em viagem: 20 dias pelo norte da Itália!

Se você acompanha as redes sociais do blog, principalmente o Instagram, já percebeu que nos últimos dias comecei a minha tão sonhada viagem à Itália!!! Sempre fomos loucos para conhecer esse país aqui em casa, mas como acaba sendo um dos mais caros da Europa para turistas, sempre fica de fora dos nossos roteiros. Dessa vez batemos o pé e decidimos finalmente conhecer um pouquinho do país, já que agora somos oficialmente cidadãos italianos!

quinta-feira, 5 de maio de 2016

130 anos da Avenida Kudamm (ou Kurfürstendamm) em Berlim e o que fazer na região

Hoje a famosa Avenida Kudamm (abreviação para Kurfürstendamm) em Berlim está oficialmente fazendo 130 anos! Essa foi uma das minhas áreas preferidas em Berlim, quando fui estudar na cidade então o post de hoje está recheado de dicas do que fazer na região! Oficialmente, a avenida vai da  praça Breitscheidplatz até a Rathenauplatz em Grunewald (3,5 km), mas vou considerar para o post de hoje também a região da estação  S+U Zoologischer Garten e a rua Tauentzienstraße.


Kaiser Wilhelm Gedächtniskirche, Berlim
A igreja que é o maior símbolo da região! A primeira vez que vi essa igreja, foi pela janelinha do trem voltando de algum passeio e fiquei tão encantada que tive que voltar no dia seguinte. A hipnose foi tão grande que por mais 2 dias seguidos, saía da aula e vinha direto para essa região!

Avenida Kurfürstendamm foi mencionada pela primeira vez em nos anos 1540 quando era o caminho do castelo da cidade até o pavilhão de caça de Grunewald, ampliada em 1835 por Otto von Bismark aos moldes da Champs Elysée de Paris, mas foi pavimentada somente em 1886 e por isso essa data é considerada o "nascimento" da mesma. No dia 5/maio/1886, o tram andou pela primeira vez no novo boulevard. Durante os anos 1920, era o ponto de encontro dos intelectuais e nos tempos da divisão de Berlim e da Alemanha, a Kudamm era o principal local de compras do alemães ocidentais (capitalistas). Vejam como foi a comemoração dos 125 anos da avenida em 2011 (em inglês)! Vejam abaixo as principais atrações na região e porque ela não deve deixar de ser visitada! Por incrível que pareça, muita gente fica somente na antiga área oriental e esquece dessa parte maravilhosa da cidade!

Avenida Kurfürstendamm ou Kudamm, em Berlim

estação Zoologischer Garten, Berlim
estação Zoologischer Garten, Berlim, por fora e por dentro

Como sempre, segue um mapinha do que mais curti por ali! Pin verde para os pontos turísticos e coisas interessantes, símbolo do euro para as lojas, M para estações de metrô, garfo e faca para restaurantes que testei ou gostaria de ter experimentado, cama para hotéis recomendados na região (só marquei alguns - tem mais no fim do post!) e mais algumas coisinhas (é só clicar no ícone para saber!). As 2 ruas que destaquei estão em roxo e vocês podem ver que tem um trecho grande da Kudamm que não tem nada muito interessante (é nesse trecho que estão as lojas de grife mais caras que nem marquei aqui - marquei somente as fast fashions e as mais ou menos).



terça-feira, 3 de maio de 2016

Novidades em Berlim: The Gate Berlin e Wall Museum - East Side Gallery

Como se Berlim já não fosse uma cidade sensacional cheia de atrações (já são mais de 40 posts sobre ela aqui no blog!), recentemente foram inauguradas 2 atrações super tecnológicas na cidade, uma relacionada ao Muro de Berlim e outra ao Portão de Brandemburgo! Claro que estou louca para voltar para poder conhecer as 2 (e várias outras que não tive tempo na última vez!!), que estão super bem localizadas pertinho de outras atrações.

Portão de Brandemburgo e Muro de Berlim - East Side Gallery em Berlim
Os 2 pontos turísticos de Berlim retratados nos novos museus!

domingo, 1 de maio de 2016

Vale a pena dormir no Valle Sagrado antes de seguir para Machu Picchu? Dicas de hospedagem em Urubamba ou Ollantaytambo

Muitas pessoas seguem direto de Cusco para Machu Picchu, mas uma outra opção é ficar no Valle Sagrado em Urubamba ou Ollantaytambo e seguir para a cidade sagrada dos incas no dia seguinte. Foi exatamente o que eu fiz: fiquei um noite em Urubamba, descansamos bastante e no dia seguinte seguimos para Aguas Calientes.


Onde ficar em Urubamba


Hotel Agustos


O hotel que eu fiquei! É um hotel meio-termo (nem tão caro, mas não barato) em Urubamba, ideal para quem quer descansar, pois não tem muita opção do que fazer depois que volta do passeio ali pela região. Já que iríamos acordar cedo no dia seguinte para seguir para Machu Picchu e já tínhamos acordado cedo em vários dias anteriores, foi bom para descansar.

Hotel Agustos, Urubamba, Peru

Hotel Agustos, Urubamba, Peru
Jardins bem cuidados e floridos

Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!