segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Os castelos do sul da Alemanha - segunda parte

Mais uma dica de música alemã que curto, "Du bist nicht allein" do Zeichen der Zeit, um projeto que uniu diversos cantores. Tem algumas frases em inglês no meio e é mais fácil de entender do que as outras que coloquei no blog até agora.



Além dos 2 castelos que falei ontem, o Neuschwanstein e o Hohenschwangau, existem vários outros castelos e palácios lindos na região. Tem o Residenz e o Nymphenburg que falei no primeiro post sobre a região porque eles ficam dentro de Munique mesmo.

dentro do Residenz de Munique





dentro do Residenz de Munique

Palácio de Nymphenburg

Você sabia que o seguro viagem é OBRIGATÓRIO para entrar na Europa??? Para viajar tranquilo, garanta já o seu seguro viagem com a parceira do blogSeguros Promo - comparador de preços com as melhores seguradoras do mercado! Você não gasta nenhum centavo a mais por isso e colabora para manter o blog!



Palácio de Nymphenburg

O Herrenchiemsee é outro castelo do rei Ludwig I e não consegui conhecer quando estava visitando uma amiga em Munique porque perdemos o horário do último barco! Preciso voltar! Naquela época eram poucos horários e o último barco saía perto de 3 e pouca da tarde, mas pelo que vi no site hoje em dia existem muitas opções!

lago Chiemsee
Chegamos até o píer de onde saem os barcos para esse palácio que fica no meio do lago

lago Chiemsee

lago Chiemsee

A partir daqui, todas as fotos deste post foram escaneadas de um guia sobre os palácios e por isso muitas tem esse risco vertical no meio da foto - é o meio do livro. Comprei esse guia lá na lojinha do Neuschwanstein.

Palácio de Herrenchiemsee

O Palácio de Herrenchiemsee foi construído ao estilo de Versalles, no meio de uma ilha no maior lago alemão. Foi o último de todos a ser projetado e o mais caro também. Apesar disso, Ludwig I só passou 9 dias ali! A fachada voltada para o jardim é uma réplica fiel do palácio francês

Palácio de Herrenchiemsee
Fonte Latona, réplica da fonte de Versalles

Palácio de Herrenchiemsee
vista aérea

Palácio de Herrenchiemsee

A escadaria acima é uma réplica da famosa Escada dos Embaixadores de Versalles (demolida em 1752).

Palácio de Herrenchiemsee
Primeira e Segunda Antecâmara

Palácio de Herrenchiemsee

A Sala dos Espelhos acima também é uma réplica de Versalles e foi construída entre 1879 e 1881. Tem 17 janelas, 33 lustres, 44 candelabros e mais de 2 mil velas!

Palácio de Herrenchiemsee

Já a Sala das Porcelanas (acima), estão reunidas diversas porcelanas de Meißen.

Palácio de Herrenchiemsee
Pequena Galeria de Espelhos, copiada da Petite Galerie de Versalles

Palácio de Herrenchiemsee
Quarto de Banho com uma banheira enorme


A Ângela conta tudo sobre o Herrenchiemsee no blog Alemanha! Por que não?. Mais informações. Informações de como chegar.

Também queria conhecer o Linderhof, mas não deu tempo. Queria curtir todas as comemorações de Natal e Ano Novo e aí nesses dias não fazia nenhuma programação turística (e a maioria das atrações fecha em alguns dias nessa época do ano também). Mais um motivo para voltar! Mais informações. O Linderhof foi o único dos palácios que ficou pronto antes da morte do monarca. Esse jato da fonte abaixo atinge 30m.

Linderhof

Linderhof
Sala Oeste de Tapeçarias

Essa estátua de pavão está em posição privilegiada porque era o animal preferido do rei, junto com o cisne.  O Gabinete cor-de-rosa abaixo é o antigo quarto de vestir do rei. As pinturas são de personalidades da corte francesa do século XVIII.

Linderhof
Quarto do Rei e o Gabinete cor-de-rosa

A Sala de Refeições abaixo, com decoração predominantemente vermelha e dourada tem uma mesa escamoteável. Era servida no piso inferior e depois içada para a sala, a fim de evitar o contato de rei com muita gente.

Linderhof

Linderhof
Sala dos Espelhos maravilhosa - uma das maiores salas

Linderhof
o parque e a cascata

Linderhof

O Pavilhão Marroquino (acima) foi comprado pelo rei em 1878, ano que foi concebido para a Exposição de Paris. O estilo oriental estava em voga na época e serviu de inspiração para a decoração. Já o Quiosque Mourisco (abaixo), foi adquirido em 1876, proveniente do Palácio Zbiroh na Boêmia.

Linderhof

Linderhof

Acima, a gruta artificial de estalactites e estalagmites, inspirada na obra de Richard Wagner "Tannhäuser". Já utilizava as modernas inovações da eletricidade. O barco dourado em forma de concha foi concebido por Franz Seitz.

Existe na região também a Pavilhão Real Schachen (em alemão) que parece menos interessante (e bem menor do que os outros), mas se tivesse muito tempo, até iria conhecer. Mais informações. Fica mais perto do Linderhof e talvez seja uma boa combinar as 2 visitas no mesmo dia.

Pavilhão Real de Schachen

No Alemanha! Por que não? tem um post sobre os 3 castelos do Rei Ludwig I. O pessoal do Sundaycooks acabou fazendo uma excursão saindo de Munique e visitando o Neuschwanstein e o Linderhof no mesmo dia e acharam corrido.


Mapa da região





Você já curte nossa fanpage no Facebook, já segue o nosso Twitter, o nosso Instagram e o Google+?

Nenhum comentário:

Postar um comentário